segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Eu nunca te disse

Sinto falta daqueles olhos

De como você me abraçava
Sinto falta de como nós se olhávamos
É como se não houvesse nascer do sol
Como o gosto do seu sorriso
Sinto falta do jeito que respiramos
Mas eu nunca te disse
O que eu deveria ter dito
Não, eu nunca te disse
Que eu te amo
O quanto eu te amo
Eu me segurei
E agora
Eu sinto saudade de tudo em você
Eu ainda te quero
Eu ainda te amo
Isso é para sempre
Depois de tudo que nós passamos
Sinto falta de tudo em você
Sem você eu deliro
E a dor da saudades me tortura
Eu vejo seus olhos
Toda vez que eu fecho os meus
Quando não estou à sua volta
É como se eu estivesse sozinha comigo
Mas eu nunca te disse
O que eu deveria ter dito
Não, eu nunca te disse
Eu me segurei
E agora
Eu sinto saudade de tudo em você (Mesmo que você se vá)
Eu ainda te quero (E te amo, você nunca devia ter ido embora)
depois de tudo que nós passamos (Eu sei que você não devia ter partido)
Sinto falta de tudo em você
Sem você... Eu morro lentamente

Nenhum comentário:

Postar um comentário