quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Dor de amor


Coração machucado ferido
como posso ter me iludido
enchi o peito de esperanças
sonhei como uma criança
como pude ser tão tolo
ter acreditado no destino
que tomou o meu amor pelos meus dedos
me trocou por uma aventura
esse é meu último poema
sem palavras,não quero mais escrever
meu amor não foi suficiente
minhas palavras não bastaram
já sentia sua ausência
seu comportamento comigo mudou
por várias vezes fiquei sozinho
agora entendo o motivo
não vou chorar nem sonhar mais
não espero que se arrependa
aventura não é amor
aventura não vale a pena
esse é meu último poema
lamento,sinto muito é verdade
meus motivos para escrever acabaram
só sobrou feridas e lágrimas
agora que faltava tão pouco
para o nosso reencontro
o destino me tira você
e me rouba o meu encanto
retiro-me com a alma ferida
mais de cabeça erguida
meu amor foi sincero
termino meu último poema
tudo acabou nesse verso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário